Alvenaria de vedação x alvenaria estrutural

Entenda as diferenças nesse artigo especial

Por Ricardo França 06/03/2021 - 17:00 hs

Quando alguém tira o projeto do papel e começa uma construção, por uma questão cultural, foca apenas em como executar seu projeto da forma mais prática e econômica e pouco se pensa nos sistemas construtivos.

É fato que o brasileiro prefere construção com alvenaria, aquela que usa blocos, tijolos, cimento.

Ainda sobre alvenaria, o que a Arqweb observa em suas visitas nas obras, independentemente do padrão de construção, é a utilização do sistema de concreto armado convencional, onde é utilizado concreto e caixarias de madeiras para a construção de pilares e vigas e com fechamento em blocos de vedação.

Você sabia que existe sistemas diferentes de alvenaria?

A Arqweb abordará nesse artigo especificamente as diferenças entre a alvenaria de vedação e alvenaria estrutural, assim como apresentar um comparativo para tentar facilitar para você que irá construir sua casa na região de Piracicaba, Limeira e Rio Claro e ainda tem dúvidas de qual é o sistema de construção em alvenaria que mais vale a pena!

Entender as diferenças entre o bloco de vedação e o bloco estrutural contribui para que você faça a escolha correta do bloco a ser utilizado na sua obra, assim como as vantagens e desvantagens de cada modelo de bloco.

A Arqweb te ajudará para que sua escolha seja mais assertiva e que traga mais qualidade para sua construção.

Nesse artigo será especificamente, abordaremos sobre os modelos de blocos cerâmicos que encontramos facilmente disponíveis na região de Piracicaba, Limeira e Rio Claro e quais são os pontos positivos e negativas de cada um!

O que é bloco de vedação?

O bloco de vedação, como o próprio nome sugere é utilizado na alvenaria de vedação em conjunto aço, laje, pilares, que são as colunas e vigas.

Blocos de vedação são muitos utilizados para fazer o fechamento de paredes e divisão de paredes e geralmente tem seus furos feitos na horizontal.

Como não precisam suportar os pesos da edificação, suas principais características é que ele não precisa ter muita resistência já que conta com armações, vigas e pilares para dar suporte na sustentação da estrutura da obra.

Ou seja, é um tipo de bloco que sustenta apenas o seu próprio peso precisando de ajuda para aguentar o peso do telhado, portas e janelas, por exemplo.

Logo vamos falar sobre o bloco estrutural, mas já queremos pontuar que não existe a possibilidade de a alvenaria de vedação substituir a alvenaria estrutural já que ela, devido ao seu formato e especificações técnicas, não é capaz de atuar como função estrutural.

Vantagens da alvenaria de vedação

  • Grande disponibilidade de material e mão de obra
  • Versatilidade e flexibilidade
  • Serve para fechar uma estrutura ou dividi-la
  • Baixo custo na execução da alvenaria
  • Facilita passagem de encanamento e fiação da obra
  • Não existe restrição de medidas no projeto.

 

Desvantagens da alvenaria de vedação

  • Maior tempo de execução
  • Necessidade de revestimento adicional devido à baixa porosidade
  • Utiliza muita massa para assentamento
  • É necessário esperar 21 dias para retirar formas e escoramento
  • Demanda cortes na parede para fazer a instalação elétrica e hidráulica
  • Maior utilização de mão de obra
  • Gera muito entulho, o que prejudica o meio ambiente
  • Suscetível a gambiarras e imprevistos
  • Maior utilização de materiais.

 

O que é bloco estrutural?

Agora a Arqweb destacará a principal característica e vantagem do bloco estrutural, é que em sua execução não é necessário usar vigas e pilares. Ele vai atuar no lugar delas, adquirindo a função estrutural da obra, ou seja, sendo a sustentação.

Os blocos estruturais podem ser feitos também de cerâmica ou concreto e são capazes de suportar mais do que seu próprio peso.

As opções mais comuns de sistemas construtivos disponíveis na região Piracicaba, Limeira e Rio Claro ainda são a estrutura de concreto armado e estrutura de aço, que são preenchidas com paredes de alvenaria de vedação.

Pelas características de laminação e qualidade dos blocos estruturais, ou seja, por serem mais regulares e portanto mais fácil de rebocar, Ricardo França da Arqweb informa que já se deparou em suas visitas às obras com a execução de alvenaria de vedação, utilizando blocos estruturais, o que ele vê como um desperdício e maior gasto na obra.

E aqui França destaca outra principal qualidade do blocos estruturais, que são a sua qualidade e planicidade e pela proximidade de estarmos próximo do maior polo cerâmico do país, na região de Tatuí, ele não vê outra justificativa para a não utilização desse sistema de bloco a não ser o desconhecimento dos profissionais, que optam a construir da forma tradicional, pela maior disponibilidade de mão de obra, sem dar a opção a quem vai construir de qual é a melhor opção para execução de seu projeto, não somente do ponto de vista econômico, mais de qualidade da obra.

 Já pensou em rebocar uma parede com menos de meio centímetro de reboco ou mesmo poder assentar revestimentos nas paredes sem necessidade do emboço? Isso é possível com utilização dos blocos estruturais em sua obra!  

Outra característica que vale a pena frisar é que os furos são feitos na vertical.

Vantagens da alvenaria estrutural

  • Técnica executiva simplificada
  • Paredes sustentam o peso da laje e cobertura do imóvel
  • Facilidade de treinamento de mão de obra
  • Facilidade de controle
  • Menor diversidade de mão de obra na fase de estrutura
  • Eliminação de interferências
  • Facilidade de integração com outros subsistemas
  • Grande potencial de redução de custos
  • Eliminação de desperdícios de material
  • Maior agilidade na construção
  • Normas ABNT definem requisitos e critérios para o bom desempenho do sistema
  • Redução do consumo de aço e concreto
  • Menor gasto com revestimento
  • Maior organização do canteiro de obras
  • Partes elétricas e hidráulicas são feitas junto com o assentamento dos blocos
  • Demanda menos tempo de obra
  • Resistente
  • Isolante térmico e acústico
  • Otimiza tempo.

 

Desvantagens da alvenaria estrutural

  • Arquitetura e design limitados pelo tamanho e forma dos blocos
  • Dificuldade se for necessário improvisar
  • Limitação de grandes vãos e balanços
  • Restringe futuras mudanças na edificação
  • Inibe a mudança do uso do imóvel (de residencial para comercial, por exemplo)
  • Não se deve cortar os blocos
  • Demanda planejamento e profissionais qualificados

 

O que avaliar para fazer a escolha certa?

Nessa pesquisa realizada pela Arqweb você pode notar, que tanto o bloco de vedação quanto o bloco estrutural é que possuem seus prós e contras.

Custo, tempo de execução, mão de obra qualificada são pontos cruciais para que a escolha seja benéfica.

Mas será que é só isso sobre a diferença dos blocos?

Um ponto que pesa muito é o fato de que na alvenaria de vedação existe maior liberdade quanto ao layout do projeto, sendo possível fazer modificações até mesmo depois da obra – isso porque a estrutura conta com vigas e pilares que sustentam não prejudicando a estrutura do imóvel.

 Então se você quer ter liberdade de escolha e não se importará com custos adicionais que pode ter com a obra, como possíveis alterações, vá de alvenaria de vedação!

Porém sempre destacamos aqui na Arqweb que um dos maiores vilões que contribui com o desperdícios nas obras, são as alterações dos projetos, durante a sua execução.

 Já na alvenaria estrutural, essa questão se torna restrita, por isso que é indispensável um bom planejamento e profissionais capacitados para que a obra fique exatamente como desejado.

Porém a Arqweb destaca novamente que independentemente do sistema de alvenaria escolhido o planejamento é uma das premissas para uma obra econômica!

 Esses são alguns pontos que a Arqweb pesquisou e reforçamos que devem ser analisados na escolha da execução do projeto de sua construção.

O ideal é que você busque informações e conte com profissionais capacitados para definir a opção ideal para sua obra.

 

A Arqweb acredita que a sua obra não precisa ser uma cobaia, mas você deve estar aberto a encontrar soluções inteligentes e disponíveis no mercado para economizar na sua obra. O mundo evoluiu e não podemos comparar a tecnologia atual existente com o que tínhamos 10 a 20 anos atrás.

Porque na construção civil temos que nos basear no que era utilizado a 50 ou 100 anos atrás e não estar aberto a novos produtos e sistemas construtivos?

 

Lembre-se que impermeabilizantes, argamassa polimérica, uso do isopor em lajes, dentre outras coisas, eram coisas poucos aplicadas nas obras e encontraram grande resistência para seu amplo uso.

A Arqweb também destaca que hoje existe normas que especificam se os produtos atendem ou não as suas aplicações. Então entenda se já não existe uma norma NBR por exemplo, para que tome a decisão de qual produto utilizar na sua obra, ainda com mais segurança e garantia.

 

Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Pode enviar um e-mail para a Arqweb através do contato@arqweb.com.br que teremos maior prazer de auxiliar, reforçando que somos um portal da construção civil que especifica os melhores fornecedores e profissionais para sua obra, além de dicas para você que vai construir ou reformar.

 

Busque os melhores fornecedor para sua obra em nosso portal: https://arqweb.com.br/

 

Fonte de matéria e pesquisas adicionais:

https://ceramicaconstrular.com.br/voce-sabe-a-diferenca-entre-bloco-de-vedacao-e-estrutural/

 

https://www.ceramicacity.com.br/bloco_ceramico/